Tiroteio no hospital universitário de Roterdão provoca múltiplas vítimas

Várias pessoas morreram após um tiroteio num hospital universitário em Roterdão, nos Países Baixos. Segundo a polícia local, um homem de 32 anos foi detido sob suspeita de ter disparado uma série de tiros, que começaram numa casa e continuaram numa sala de aula do Centro Médico Erasmus de Roterdão. Houve também focos de incêndio nos dois locais. As autoridades ainda não divulgaram o número exato de vítimas durante o percurso do atirador. Vídeos que circulam nas redes sociais mostram o momento da detenção do suspeito, que baleou um professor. Essa situação causou uma atmosfera tensa em Roterdão. Ainda segundo as redes sociais, houve relatos de um possível segundo atirador e de algo no transporte público, mas até o momento o atirador principal foi detido. Imagens bizarras foram compartilhadas nas redes sociais, mostrando a situação no local. Um desses vídeos mostra o momento em que as autoridades encontram cocktails molotov no centro de ensino do hospital.

Fonte