Representante da República dá início a audições de partidos na Madeira

  • Post author:
  • Post category:Blog

A audição dos partidos políticos na Região Autónoma da Madeira começou com o Bloco de Esquerda (BE), seguido pelo Pessoas-Animais-Natureza (PAN), Iniciativa Liberal (IL) e Partido Comunista Português (PCP). Os restantes partidos, Centro Democrático Social – Partido Popular (CDS-PP), Chega e Juntos Pelo Povo (JPP), serão ouvidos durante a tarde. As audições serão concluídas na quinta-feira de manhã, com o Partido Socialista (PS) e o Partido Social Democrata (PSD), que venceram as eleições em coligação com o CDS-PP. O representante da República, Ireneu Barreto, afirmou que irá conversar com todos os partidos para perceber como entendem que o próximo governo deve ser organizado. Após as audições, será tomada uma decisão sobre quem será convidado a formar governo. Ireneu Barreto desvalorizou a taxa de abstenção nas eleições, afirmando que há eleitores a mais nos cadernos eleitorais. A coligação PSD/CDS-PP obteve 43,13% dos votos e 23 lugares no parlamento regional, não alcançando a maioria absoluta. Miguel Albuquerque, líder do PSD/Madeira, fechou a porta a qualquer acordo com o Chega, mas anunciou um acordo de incidência parlamentar com o PAN. O PSD elegeu 21 deputados, perdendo a maioria absoluta pela primeira vez desde 1976. O PS obteve 11 mandatos, enquanto o JPP passou de três para cinco mandatos. O Chega e a Iniciativa Liberal estrearam-se com quatro e um deputado, respetivamente, e o BE e PAN regressaram à Assembleia Legislativa Regional com um deputado cada. A taxa de participação nas eleições foi de 53,34%.

Fonte